Páginas

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Pensamento sobre o pensamento do mundo


Não sei de nada, não mesmo, pois ando por aí pensando que se pudesse pensar melhor, o que de fato é uma busca constante para a humanidade, penso, poderia pensar num pensamento que pudesse modificar o pensamento das pessoas, que de fato não é um pensamento comum, ou não, por isso não sei de nada, não mesmo, e mesmo que soubesse ser mesmo de fato o mesmo pensante que anda pensando por aí que se pudesse pensar melhor poderia pensar num pensamento que pudesse modificar não só o pensamento das pessoas, mas o pensamento de todo o mundo, tornaria o mundo melhor, pois penso que tudo no mundo, e não só as pessoas, pensam, e esse pensamento, penso eu, precisa deixar de andar por aí a vagar no pensamento sexador e tornar-se um pensamento de bem coletivo, o que fará com que o meu conhecimento de mundo, que é partilhado por outras pessoas de uma forma genérica, se torne senso comum, e que este comum seja, de fato, comum a todos os que andam por aí pensando em querer que o pensamento de todo o mundo se voltasse para o melhor para os Nativos do Mundo.